Comitiva Gaúcha participa da 83ª Assembleia Mundial da OIE

 Página inicial > Noticias  >  Comitiva Gaúcha participa da 8

 

Noticias

Comitiva Gaúcha participa da 83ª Assembleia Mundial da OIE

Publicação 25/05/2015 às 02:37
Fonte: Cristiano Guerra - Alexandre Farina
RS terá reconhecimento de área livre de Peste Suína Clássica
RS terá reconhecimento de área livre de Peste Suína Clássica - Foto: Cristiano Guerra

 

Secretaria da Agricultura e Pecuária está presente no evento, onde receberá certificado para o RS, de área livre de peste suína clássica

 

O secretário da agricultura e pecuária do Rio Grande do Sul, Ernani Polo, acompanhado dos deputados estaduais Frederico Antunes,  Sérgio Turra, Gabriel Souza,  Jorge Pozzobom, Luiz Fernando Mainardi  e Aloísio Classmann , participaram, neste domingo (24), da Cerimônia de Abertura da 83ª Sessão Geral da Assembleia Mundial da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), que será realizada até o dia 28 de maio, em Paris, na França. Os parlamentares foram convidados a participar do evento pelo Ministério da Agricultura. 

 

Na edição deste ano, os estados do Rio Grande do Sul e Santa Catarina serão certificados como Zona Livre da Peste Suína Clássica. Em todo o mundo, apenas 21 países receberão esse certificado mundial, o que pode alavancar ainda mais os negócios envolvendo o setor de suínos no Rio Grande do Sul. A cerimônia de certificação ocorrerá na próxima quinta feira (28), com a presença do governador do Estado, José Ivo Sartori.

 

Para o secretário de Agricultura e Pecuária do RS, este reconhecimento é fruto de uma ação conjunta e eficaz que tem de ser ampliada"Esta é uma grande conquista que só foi possível graças ao trabalho e dedicação de muitas pessoas, especialmente dos técnicos  que, com o apoio do Fundesa, estão há mais de 10 anos trabalhando por este reconhecimento. O grande desafio que temos pela frente é de cada vez mais estarmos preparados para manter esta condição e avançar em outras áreas que dizem respeito a sanidade animal." , diz Ernani Polo.

 

Para Frederico, que é um dos defensores do setor no Parlamento Gaúcho, a certificação do RS como zona livre é de suma importância para os produtores de suínos e para a economia do Estado. “No mundo, são poucos países que estão recebendo esse Oscar da Sanidade, sendo que aqui no Brasil, apenas o Rio Grande do Sul e Santa Catarina serão beneficiados com essa medida. Em 2014, o setor de suínos movimentou mais de U$ 13 bi.”, afirmou Antunes.

 

De acordo com o deputado Sérgio Turra, para alcançar a certificação de área livre de PSC, foi realizado um trabalho conjunto entre os setores público e privado desde o início dos anos 1990. Turra destaca que o setor de suínos deu o exemplo de que, aliando forças e distribuindo atribuições, é possível progredir. "É a vitória de toda uma cadeia produtiva que cumpriu todas as exigências apresentadas pela OIE", destacou.

 

Para o deputado Gabriel Souza, formado em medicina-veterinária e que representa a presidência da Assembléia Legislativa na missão europeia, a certificação conquistada pelo Rio Grande do Sul representa um selo de qualidade fundamental para manter e abrir importantes mercados à produção gaúcha de suínos. " O grau de significância desta certificação é muito maior do que apenas o atestado de excelência de nossa carne suína. Ela representa uma grande abertura de portas para novos mercados externos, ampliando a responsabilidade de todos em manter o nível de qualidade de nossa produção ", afirmou.

 

No mesmo sentido, o deputado Jorge Pozzobom (PSDB) destacou a visibilidade que o Estado passa a adquirir a partir da conquista da certificação. " Somos um estado cuja base da economia está justamente no campo, na agricultura e pecuária. Ganhar este certificado confirma a nossa vocação, e faz com que a carne suína gaúcha esteja ainda mais presente no mercado global", disse.

 

No entendimento do deputado e ex-secretário estadual da Agricultura durante o governo Tarso Genro, Luiz Fernando Mainardi, as politicas implementadas ao longo de sua gestão à frente da pasta  contribuíram decisivamente para que o Estado chegasse a mais esta importante conquista. "Ao longo do período em que estive na secretaria, pautei nosso trabalho sempre na busca de melhorias concretas para o setor da suinocultura. Felizmente, hoje estamos colhendo os bons resultados", destacou o líder da bancada do PT no parlamento gaúcho.

 

Já o deputado Aloísio Classmann (PTB) repisou o amplo diagnóstico sobre a situação da cadeia produtiva suína realizado pela Frete Parlamentar dos Suínos, da qual é coordenador, e que identificou os pontos que precisavam ser qualificados para que o Estado.pudesse hoje chegar a um patamar de qualidade internacional. " Estou muito satisfeito por ter liderado um trabalho árduo que hoje resulta na obtenção de uma vitoria tao significativa e maiúscula para o setor", comemorou.

 

O presidente do Fundo de desenvolvimento e defesa sanitária animal e diretor do Sindicato das indústrias de produtos suínos, Rogério Kerber atualmente, 15 estados e o Distrito Federal são reconhecidos nacionalmente como áreas livres da doença. A partir do dia 28, o RS e SC terão esse  reconhecimento internacional inédito.

 

Esse reconhecimento é um avanço importante para RS. Trata-se de um impedimento a menos para busca de abertura de negociações em novos mercados", finalizou o presidente da Associação dos Criadores de Suínos do Rio Grande do Sul, Valdecir Folador a respeito da conquista do setor.

 

A ministra Katia Abreu, representando a Presidente da República, Dilma Roussef, o vice governador de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira e os senadores gaúchos Ana Amelia Lemos (PP) e Lasier Martins (PDT) e comitivas do RS e SC representando o setor de suínos também participaram do evento.

>> Mais notícias

25/05/2017

Simpósio do Leite abordará Biosseguridade

10/05/2017

Biosseguridade e bem-estar na produção suína

03/03/2017

Audiência pública proposta por Weber discutirá decreto para suinocultu

16/12/2016

CP: Kerber vai para 7º mandato

16/12/2016

O Sul: Rogério Kerber é reeleito presidente do Fundesa

Ver todas as notícias

<< Voltar

Nome

E-mail

Mensagem