SC e RS são Zonas Livre de Peste Suína Clássica

 

Santa Catarina e Rio Grande do Sul são Zonas Livres de Peste Suína Clássica

Expectativa é de aumento das exportações, bastante concentradas nesses dois estados

POR REDAÇÃO GLOBO RURAL

|Zonas Livres de Peste Suína Clássica, Rio Grande do Sul e Santa Catarina concentram 68% das exportações nacionais de carne suína (Foto: Rogério Albuquerque / Editora Globo)

Os Estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul passaram a ser considerados Zonas Livres de Peste Suína Clássica pela Organização Internacional de Saúde Animal (OIE). A informação foi divulgada pelo Ministério da Agricultura.

De acordo com o Ministério, não há registro de casos da doença no país desde 2009. Em nota, a instituição manifestou a expectativa de maior competitividade no mercado internacional e de crescimento das vendas de carne suína para o exterior. Gaúchos e catarinenses concentram 68% das exportações nacionais do produto.

Outros 14 estados buscam a certificação, esperada pelo governo brasileiro para até maio de 2016: Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Tocantins, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Bahia, Sergipe, Rondônia, Acre e Distrito Federal.

>> Mais notícias

04/09/2018

Surto de Peste Suína Africana na Ásia exige atenção em biosseguridade

29/08/2018

Presidente do Fundesa recebe Medalha Assis Brasil

24/08/2017

Comissão aprova proj. de Katia Abreu que suspende cobrança do Funrural

25/05/2017

Simpósio do Leite abordará Biosseguridade

10/05/2017

Biosseguridade e bem-estar na produção suína

Ver todas as notícias

<< Voltar

Nome

E-mail

Mensagem