Rússia, Hong Kong e Angola, principais merc para a carne suína em jan

 

Rússia, Hong Kong e Angola, principais mercados para a carne suína em janeiro, diz Abipecs

O Brasil exportou 34.868 toneladas de carne suína em janeiro, uma queda de 13,09% em relação ao mesmo período de 2013 (40.119 t). A receita, de US$ 90,27 milhões, foi 13,73% menor do que a apurada em janeiro do ano passado. Houve retração de 0,73% no preço médio na comparação com o preço de janeiro de 2013.


A Rússia foi o principal destino da carne suína brasileira, com participação de 34,56% nas exportações do mês, seguida por Hong Kong, com 26,48%, e Angola, com 11,61%. A mesma sequência se verificou na receita: a Rússia em primeiro lugar, com 41,36%, Hong Kong, com 24,23%, e Angola, com 7,28%. A Ucrânia não aparece entre os principais destinos.


"O que prevíamos está acontecendo. A produção está mais baixa, o mercado interno continua aquecido e as exportações se mantêm em queda neste início de ano. É normal uma queda nas exportações em janeiro e fevereiro. Em março, a expectativa é que as vendas externas irão melhorar", diz Rui Eduardo Saldanha Vargas, presidente da Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs).


Rússia, aumento de 0,93% - Os embarques para a Rússia somaram 12.051 t e US$ 37,34 milhões em janeiro, um aumento de 0,93% em volume e 6,79% em valor, na comparação com janeiro de 2013.


Queda de 96% nas vendas para a Ucrânia - O Brasil quase não exportou para a Ucrânia no primeiro mês de 2014. Foram enviadas para aquele mercado apenas 244 toneladas, que resultou em um faturamento de US$ 815 mil. A retração em volume foi de 96,31% e, em receita, de 95,46%, ante janeiro de 2013.


Hong Kong, elevação de 9% - As vendas para Hong Kong cresceram 9,01% (9.232 t) e 6,12% em valor (US$ 21,87 milhões), em relação a janeiro do ano passado.


Argentina, fraco desempenho - O mercado argentino continua reduzindo suas compras do Brasil, que caíram 53,83% em volume (721 t) e 53,22% em receita (US$ 1,35 mihão), na comparação com igual período do ano passado.


Principais destinos em janeiro:


1º Rússia - 12.051 toneladas - 34,56%

2º Hong Kong - 9.232 toneladas - 26,48%

3º Angola - 4.048 t - 11,61%

4º Cingapura - 2.324 t - 6,66%

5º Uruguai - 1.283 t - 3,68%


Fonte: Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs)

Fonte: Bayer Aves e Suínos 

>> Mais notícias

24/08/2017

Comissão aprova proj. de Katia Abreu que suspende cobrança do Funrural

25/05/2017

Simpósio do Leite abordará Biosseguridade

10/05/2017

Biosseguridade e bem-estar na produção suína

03/03/2017

Audiência pública proposta por Weber discutirá decreto para suinocultu

16/12/2016

CP: Kerber vai para 7º mandato

Ver todas as notícias

<< Voltar

Nome

E-mail

Mensagem