Argentina trava embarque de carne

 

A mudança na regra de importação do governo argentino, que entrou em vigor em 1 de fevereiro, está travando os embarques de carne suína brasileira. Segundo diretor executivo do Sindicato das Indústrias de Produtos Suínos do Estado do Rio Grande do Sul (Sips), Rogério Kerber, a confusão ocorre porque o país vizinho suspendeu as licenças emitidas em janeiro, apesar da validade de 30 dias. "As empresas já estão providenciando nova documentação, mas isso pode levar até 15 dias", afirma Kerber, ressaltando que o retorno das cargas também gera custos. "São medidas protelatórias e burocráticas. Não é procedimento adequado entre países de livre comércio", argumentou.

 

Fonte: Correio do Povo

>> Mais notícias

28/02/2020