Mercado russo está mais próximo

A reabertura do mercado russo para carne suína brasileira, fechado desde junho de 2011, deve acontecer em 40 dias. Segundo o diretor Dipoa do Ministério da Agricultura, Luiz Carlos Oliveira, a retomada depende apenas de sintonia fina, prevista para acontecer até março. As últimas duas etapas incluem posicionamento dos russos sobre os relatórios de auditorias enviados pelo Brasil e a formulação de protocolo de regras. Oliveira defende a abertura de mercados. O leque de possibilidades inclui China, Japão e Coreia do Sul. Estados Unidos e Canadá também são alternativas e receberão missões brasileiras em março. As orientações sobre exigências do comércio internacional e critérios para exportação de carne suína foram repassados a empresários na segunda-feira, em Porto Alegre.

 

Fonte: Correio do Povo - 01/02/2012

>> Mais notícias

28/02/2020