Balança fecha 2011 no azul

Balança fecha 2011 no azul

 

Desempenho foi 47,8% superior a 2010<br /><b>Crédito: </b> GERSON PANTALEÃO / ESPECIAL / CP MEMÓRIA
Desempenho foi 47,8% superior a 2010
Crédito: GERSON PANTALEÃO / ESPECIAL / CP MEMÓRIA

 

Brasília - A balança comercial brasileira teve superávit de 29,790 bilhões de dólares em 2011 - resultado 47,8% maior que em 2010 -, segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior. O saldo ficou acima das estimativas do mercado - entre 27 bilhões de dólares a 28,1 bilhões -, mas abaixo da meta do governo para as exportações (257 bilhões). Em 2010, o saldo acumulado da balança foi positivo em 20,155 bilhões.

O superávit em 2011 é fruto de 256,041 bilhões de dólares em exportações e de importações de 226,251 bilhões. Em dezembro, o superávit comercial alcançou 3,817 bilhões de dólares, sendo 18,312 bilhões de importações e 22,129 bilhões de exportações (valores recordes para o mês).

As exportações cresceram mais aceleradas em 2011 que no ano anterior para os países da Ásia (36,3%), da África (32%) e os EUA (33,3%). O destaque é para a China (43,9%), devido às vendas de minério de ferro, soja em grão, petróleo bruto, açúcar e celulose. Na União Europeia, o incremento foi de 22,7% e no Oriente Médio, de 16,6%. Para América Latina e Caribe, as vendas brasileiras subiram 15,4% em 2011, na comparação com 2010, e para a Europa Oriental, 8%.

 

Fonte: Jornal Correio do Povo - edição 03/01/2012

 

>> Mais notícias

10/04/2019

Frente em Defesa do Milho tem adesão de 27 deputados

09/04/2019

Deputados querem criar Frente em Defesa da Cultura do Milho

08/11/2018

Presidente Fundesa fala sobre desafios sanidade animal

04/09/2018

Surto de Peste Suína Africana na Ásia exige atenção em biosseguridade

29/08/2018

Presidente do Fundesa recebe Medalha Assis Brasil

Ver todas as notícias

<< Voltar

Nome

E-mail

Mensagem